DESTAQUES

A Transformação Digital da NOVA com novo ERP Quidgest, operacional em menos de 6 meses

5 dezembro 2017

A Universidade Nova de Lisboa (NOVA) já está a operar com a nova plataforma SINGAP da Quidgest, que inclui a Gestão de Recursos Humanos, Gestão Financeira e Patrimonial e Gestão de Projetos, em funcionamento nas 11 Unidades Orgânicas. O projeto inovador, iniciado em janeiro, foi concretizado num prazo recorde.

A NOVA está em grandes transformações. Desde fevereiro que é uma Fundação Pública com regime de direito privado. Isso fez com que iniciasse uma profunda mudança, no sentido da uniformização de processos de todas as unidades orgânicas, usando apenas um único número de contribuinte mas garantindo a sua autonomia e especificidades. Este projeto enquadra-se na estratégia de afirmação nacional e internacional da NOVA, e pretende constituir uma importante vantagem competitiva na consolidação desta dinâmica e na sua Transformação Digital. Com cerca de 20.000 alunos, dos quais 2.000 são estrangeiros de 100 nacionalidades, 1.700 professores, 80 doutoramentos e 40 unidades de investigação, esta é a única universidade portuguesa, com menos de 50 anos, entre as 50 melhores do mundo.

A substituição dos vários sistemas de gestão existentes na NOVA, em tão curto prazo, foi conseguida pela Quidgest, ganhadora do concurso público internacional, graças à sua tecnologia inovadora e à longa experiência e reconhecimento pela qualidade de serviço na Administração Pública, nomeadamente na área da Educação e Ensino Superior.

O processamento de vencimentos de todas as Unidades já está a ser efetuado desde o início de maio. A Gestão Financeira e Patrimonial estão em funcionamento desde junho, altura em que a Fundação emitiu para a DGO o balancete consolidado de todas as Unidades.

Este é um dos mais avançados sistemas de gestão integrada do mercado, baseado na mais recente tecnologia (web, mobile, SQL, MVC) e desenvolvido com modelação e geração automática de software, através da plataforma “No Code” Genio. Permitirá às unidades do universo NOVA maior agilidade no acompanhamento da sua atividade, endereçando dinamicamente os constantes e enormes desafios na gestão universitária.

Para Beatriz Guimarães – gestora de projeto da Quidgest, “estamos habituados a grandes desafios na implementação de soluções complexas, em vários países, mas este foi um dos mais exigentes na história da nossa empresa, pelo prazo curto, pela dimensão e sobretudo pela quantidade de inovações introduzidas. A recente criação da Fundação NOVA e de todos os novos procedimentos necessários para suporte a esta nova realidade, tornou o desafio ainda maior”. Adiantou ainda que “esta é uma história de sucesso que estamos a criar, não apenas para a Universidade mais inovadora do país mas, também, para todas as grandes empresas e instituições nacionais, que procuram inovar e melhorar o desempenho, com menos custos, no seu ERP.“

Embora já em produção, o sistema continuará o seu desenvolvimento previsto para as fases seguintes, até final do próximo ano.

2018 vai ser decisivo para a adesão dos organismos públicos ao novo SNC-AP. A solução SINGAP da Quidgest é de utilização muito intuitiva para qualquer instituição pública, pelo que a migração de antigos sistemas POC é relativamente fácil de realizar. A equipa altamente experiente e especializada da Quidgest e seus parceiros está preparada para prestar o apoio necessário. Além disso, esta nova versão possui um grande número de funcionalidades que permitem aos seus utilizadores uma migração mais tranquila para a nova norma, incluindo a possibilidade de um paralelo de POC (P/E/AL) ou SNC com o SNC-AP e muito maior mobilidade.

Uma palavra final de apreço a toda a equipa da NOVA pelos desafios constantes colocados aos mais de 40 operacionais da Quidgest, envolvidos neste projeto, no sentido do enriquecimento da solução, num processo de co-inovação, muito caraterístico em todos os projetos da tecnológica portuguesa, por onde já passaram mais de 50 licenciados e mestrados nesta importante instituição de Ensino Superior.